Conceitos digitais inovadores para desenvolver seu negócio na internet!

Blog

Como criar uma cultura empresarial de sucesso

.:: Como criar uma cultura empresarial de sucesso ::.
18/06/2019

Gestão é muito mais que administrar as finanças. Na realidade, ela é quem garante o sucesso de um negócio, seja ele físico ou digital. Antes de tudo, gerir significa estar atento aos fatores internos e externos que compõem uma empresa. Envolve processos, modelos, planejamento e, principalmente, a cultura empresarial.

E o que é cultura empresarial?

Enxergar cultura somente em dança, comidas típicas, vestimentas e música é um conceito absolutamente defasado.

Calma! Este texto não é uma crítica cultural e muito menos sobre o padrão de comportamento presente na sociedade. O que foi mencionado acima é importante e representa os reflexos de uma cultura — ou seja, a forma de se expressar e o que é valorizado nela. Mas é um erro achar que ela se limita a isso.

De modo menos antropológico e mais simplista, há um modelo de comportamento, valores cultivados, êxitos consensuais e código ético presente em cada lugar. Logo, em tudo há cultura, inclusive dentro de uma organização.

Cultura empresarial é o agrupamento de ideias, hábitos, valores, filosofias e crenças que uma organização detém e passa aos seus colaboradores. O propósito é o de formar um ambiente em que todos se identifiquem com as mesmas causas. E, assim, compor um coletivo robusto para alcançar os objetivos da empresa.

Implantar cultura dentro de uma empresa é um processo que demanda tempo até começar a agir efetivamente. Não se trata da adoção de um método, e sim da formação de identidade empresarial.

Geralmente, a cultura organizacional parte de princípios, que são:

Sonhar grande;

Meritocracia;

Formar líderes;

Ser exemplo;

Resultados;

Agir como dono;

Simplicidade e franqueza;

Empresa enxuta;

Trabalho duro;

Integridade.

Quando bem trabalhados, esses princípios (baseados em gestão e elementos internos) têm impacto positivo no ambiente externo. A exemplo de relações com parceiros, clientes e posicionamento no mercado.

A cultura empresarial também reflete no mercado

A maneira de o público assimilar uma empresa, produto ou serviço mudou completamente em comparação há anos anteriores — e criou uma cultura de consumo na era digital.

A cultura digital propôs inovação e transformou o relacionamento de empresas com o público. Prova cabal disso está no crescimento das lojas virtuais.

Usando o e-commerce como exemplo

Sua cultura é construída por testes no cenário digital e por proporcionar segurança e conforto aos consumidores. Ficou claro que a compra não é mais como antigamente. O consumo nem sempre é feito direto naquela página virtual. Em muitos casos, o usuário apenas realiza consulta e comparação de preços, por exemplo.

É comum se deparar com propagandas do tipo “compre com apenas um click e sem sair de casa”. Esse tipo de marketing é visto em anúncios na internet e demonstra o imediatismo e facilidade que os consumidores buscam atualmente. Para um negócio, portanto, fazer parte dessa tendência é uma questão de sobrevivência. O dinamismo ilustra bem o crescimento do e-commerce e das compras online.

O que a cultura de internet e e-commerce oferecem de tão interessante?

Primordialmente, é o desdobramento de como se portam as empresas e os consumidores nos dias atuais. Eles possuem novas necessidades e, consequentemente, surgem novas formas de atendê-las.

Como mencionamos no início, a cultura está presente em tudo e é o reflexo da sociedade. Obviamente ela reflete no consumo e como ele pode ser benéfico de acordo com os parâmetros atuais.

Flexibilidade, agilidade e rentabilidade oferecidas pelos meios digitais comprovam: em todo nicho há uma cultura presente marcada por características únicas, valores, ideias e conceitos, que surgem repentinamente e acrescentam elementos positivos à vida de quem a consome.

Portanto, a cultura empresarial de sucesso precisa se basear nas ideias e ambições que a organização possui, sendo completamente singular. Isto é, cada negócio forma a sua personalidade de acordo com que se acredita e visando o espaço que se ocupa. A partir daí são propostas melhorias, seja um conglomerado atuando em diversos segmentos ou um e-commerce em plena ascensão.

Fonte: E-commerce Brasil

  • Voltar