Conceitos digitais inovadores para desenvolver seu negócio na internet!

Blog

As armadilhas do e-commerce para o empreendedor.

.:: As armadilhas do e-commerce para o empreendedor. ::.
02/05/2017

Começar um e-commerce pode ser vantajoso em diversos pontos. Os custos são menores, já que não é necessário locar um espaço em uma área valorizada da cidade. Além disso, também é mais barato manter uma operação em tempo integral no comércio eletrônico do que em uma loja física, e ainda é possível atingir um público maior e mais segmentado.

A sensação de facilidade e o desejo de crescimento rápido podem motivar algumas pessoas a investirem nesse negócio. Contudo, em pouco tempo o empreendedor entende que não é bem assim. A motivação inicial pode acabar em frustração se o negócio for mal planejado. Por isso, ponderar aspectos importantes antes de iniciar um negócio na internet é crucial para não cair nas armadilhas do comércio virtual.

Segmentação de mercado

Um dos maiores erros de um vendedor é tentar vender um produto que ele não conhece. O mesmo pode acontecer em um e-commerce. Por isso, pesquise áreas promissoras na sua cidade e invista em um segmento que você tem afinidade. Por exemplo, ainda que o setor fitness esteja a todo vapor, não é recomendado você criar uma loja de produtos do gênero se não tem interesse nesse universo.

Unir o conhecimento do empreendedor no assunto à venda de produtos que possuem potencial de mercado dá ao negócio boas chances de sucesso, além de tornar o trabalho mais prazeroso.

Diferencial competitivo

Esta é a palavra que o consumidor procura todos os dias. E você deverá responder para ele a pergunta: o que a sua loja tem a oferecer para eu escolher comprar nela e não na concorrente?

É claro que a concorrência existe e, no meio on-line, costuma ser ainda mais acirrada. Contudo, isso pode ser positivo. O importante é buscar mostrar um diferencial do seu produto em relação às outras ofertas do mercado.

E essa diferenciação não precisa estar necessariamente no preço. É óbvia a necessidade de manter um valor que esteja dentro do praticado pelos concorrentes. Porém, outros aspectos também são valorizados pelo cliente, como bom atendimento, pós-venda eficiente e pontualidade nos prazos de entrega. Por isso, todos os detalhes da sua operação devem receber atenção.

Gestão de estoque

Muitos empreendedores se equivocam ao pensar que a gestão de um e-commerce é simples. Nesse tipo de negócio, o mau controle de estoque pode causar vários problemas.

Encher o depósito de produtos é deixar o dinheiro parado. Por outro lado, a falta de estoque pode levar à perda de vendas, pois os produtos ficam indisponíveis para pronta entrega, fazendo com o que o cliente desista da compra. Portanto, o ideal é equilibrar as duas situações.

Em uma loja até médio porte pode-se fazer o controle de estoque manualmente. Agora, se sua loja tem uma grande gama de produtos, contratar um sistema de gestão de estoque é imprescindível. Lembre-se que o funcionamento da logística influencia o todo. Coordenada da forma correta, essa operação faz a entrega chegar no prazo e proporciona satisfação do cliente. Quando mal gerida, esse processo espanta o consumidor e todas as chances dele voltar a comprar.

Os empreendimentos e-commerce têm inúmeras vantagens e ainda possui muito potencial de crescimento no mercado brasileiro. Contudo, acreditar que esse tipo de negócio é simples pode levar ao fracasso rapidamente. Assim como qualquer outra nova empresa, iniciar uma loja no comércio eletrônico requer planejamento e cautela. Pense nos possíveis erros e antecipe as dificuldades. Boa sorte!

 

  • Voltar